TECNOLOGIA: a igualdade entre homem e máquina por meio da excelência e da alienação

Paula Siqueira Lima, Wesley Roberto Mariano da Silva, Jadson Monteiro

Resumo


O artigo trata de mudanças sociais, econômicas e tecnológicas que têm se acelerado após a revolução industrial, especialmente no final do século XX. Evidente que conceitos como desenvolvimento econômico e progresso científico passam por uma crise sobre a real possibilidade e alcance de suas promessas, e como a sociedade deve responder a isso. Destaque-se o viés da tecnologia de informação como algo que tem se tornando proeminente e criado condições para seu próprio progresso, por meio de promessas, aumento de velocidade, eficiência e padronizações. Ao mesmo tempo que ocorrem mudanças sociais e econômicas, o homem se vê alienado e reduzido também a certos nichos. Diminui-se a diferenciação entre homem e máquina, mas isto ocorre inclusive por fatores que tendem a ampliar desigualdades e exclusão. Assim, associam-se os mesmos dilemas do progresso econômico e científico ao que se tem verificado no progresso e promessas da revolução digital de um mundo interconectado.

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.